Filosofia; Arte; História; Humanismo e Ecologia

12
Out 08

Transcrição de uma conversa entre mestre e discípulo algures no espaço e no tempo...

 

- O Discípulo de um sábio filósofo chegou a casa deste e disse-lhe: -Mestre, um amigo teu esteve a falar mal de ti

 

 - Espera! - interrompeu o filósofo- já fizeste passar pelos três crivos aquilo que estás prestes a contar-me?

- Os três crivos? Perguntou o discípulo

 

 - Sim. O primeiro é o da verdade. Tens a certeza de que o que queres dizer-me é absolutamente certo?

- Não. Ouví alguns vizinhos a comentá-lo

 

- Pelo menos te-lo-ás passado pelo segundo crivo, o da bondade. Isso que desejas dizer-me, é bom para alguém?

- Não, na realidade não. Pelo contrário

 

 - Bem! O último crivo é o da necessidade. É necessário que eu saiba aquilo que tanto te inquieta?

- Em boa verdade, não

 

 - Nesse caso – disse o sábio a sorrir-, se não é verdadeiro, nem bom, nem necessário… vamos esquecê-lo.

 

www.nueva-acropolis.es

publicado por filósofo às 17:50

Outubro 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10
11

13
14
15
16
17
18

19
20
21
22
23
24
25

27
28
29
30
31


arquivos
mais sobre mim
pesquisar neste blog
 
blogs SAPO